4 de set de 2012

4° Grito dos Excluídos de Ribeirão das Neves


No próximo dia 07 de setembro, acontece em todo Brasil o 18º Grito dos Excluídos, cujo tema este ano é “Queremos um Estado a serviço da Nação, que garanta direitos a toda população”. Haverá atividades em quase todos os estados, com exceção do Acre. O Grito ocorre tradicionalmente em 7 de Setembro, Dia da Independência.

Para Ari Alberti, do Serviço Pastoral dos Migrantes e integrante da coordenação nacional do evento, a ideia é contrapor privilégios dados a setores empresarias, como o agronegócio, às necessidades de políticas públicas que garantam direitos básicos e bem estar à população em geral. “Temos visto e sentido o Estado se dando bem com o capital, o agronegócio e a agroindústria. Enquanto isso, os direitos sociais são tratados como um favor. Não é isso que queremos”, diz.

As eleições municipais deste ano também estarão entre os temas abordados. Para Alberti, a sucessão de denúncias envolvendo políticos tem afastado o povo da política, com reflexos negativos para a sociedade. "A política eleitoral e partidária deixou de ser coisa séria. Precisamos resgatar isso”, disse.

Em Minas Gerais, Belo Horizonte e outras grandes cidades do Estado muitos vão de manifestar nas ruas, gritando por direitos e um Estado sem privilégios e que faça as mudanças estruturais que o povo precisa. Os trabalhadores e suas organizações querem que as políticas contra a miséria ataquem as raízes da pobreza, que são a exploração capitalista e a concentração das riquezas nas mãos de poucos.

Em Ribeirão das Neves, a Rede Nós Amamos Neves vai realizar o quarto ano de manifestações pela vida e pelos direitos sociais que só são concretizados quando há políticas públicas de qualidade.

Nenhum comentário: